Tree Hill Séries

Tree Hill Séries

Páginas

domingo, 14 de agosto de 2011

Top 10 Melhores Pais das Séries



Dia 14 de Agosto de 2011: Dia dos Pais. Uma data tão especial que merece um Top Exclusivo para aqueles que nos ensinaram a andar, a nadar, a jogar bola e ficaram acordados com a gente de madrugada. Se na vida real eles estão presentes com a gente quase 24 horas por dia, no mundo das séries só os vemos uma vez por semana. É impossível não deixarmos esta data tão especial sem mencionarmos os papais da telinha. 

Existem vários tipos de pais: os corujas, os amigos, os ditadores, os geeks, mas todos tem uma coisa em comum: amam seu (s) filho (s) incondicionalmente. Por isso elegemos os 10 Melhores Pais das Séries. Já aviso de antemão que escolher só 10 foi um tarefa complicada, pois sabemos que existem milhares pais na telinha. Mesmo assim, elegemos os que mais se destacaram  como Pai nos últimos anos.

Preparados para conhecer o nosso Top 10 Melhores Pais das Séries? 


10. Dexter Morgan (Dexter)




Dexter Morgan é um homem que trabalha para a polícia e que esconde um segredo: ele é um serial killer de assassinos. Interessante, não é. Porém quando se trata do seu filho com a Rita, Dexter deixa seu lado assassino e vingativo de lado só pelo prazer de ficar com esta gracinha. Exatamente por saber se controlar perante seu filho, Dexter merece um lugarzinho neste ranking, caso contrário seria bem capaz de nós morrermos por termos o excluído. Assim, é dele a 10ª colocação.

09. Jim Walsh (Beverly Hills 90210)




Quantos de vocês nunca assistiram ou ouviram falar de Beverly Hills 90210 (Barrados do Baile)? Sei que muitos não assistiram, mas tenho certeza que conhecem alguém que já assistiu ou pelo menos ouviram falar sobre a história. Jim e Cindy Walsh se mudaram para Beverly Hills com seus filhos gêmeos, Brenda e Brendon. Durante 4 temporadas vimos este paizão passar poucas e boas com a sua filha rebelde e tentar resolver os problemas do amadurecimento do seu filho. E o detalhe: ambos adolescentes, uma das piores fases. Como se não bastasse, ele teve que enfrentar as situações em dobro. Assim, nada mais justo do que ganhar a 9ª posição, não acham?

08. Mark Sloan (Grey's Anatomy)




Mark Sloan sempre foi um cara que nunca conseguia assumir suas responsabilidades. Traiu seu melhor amigo com sua esposa, arrumava confusões diretamente e nunca tinha conseguido amadurecer. Mas por uma sorte, ele conheceu Callie sua melhor amiga lésbica (ou seria bissexual, ainda não descobri isso). Callie foi mais que uma amiga, foi a sua companheira de sexo e entre uns conselhos e outras coisas a mais, acabou engravidando de Mark. Claro que vê-lo numa situação complicada de ser pai com duas mães por perto não é uma tarefa fácil, mas este rapaz conseguiu tomar juízo e hoje ele pode até vir a ser um excelente pai, um pai responsável. Diante disto, entregamos a Mark Sloan a posição de número 8 deste Top Especial.

07. Ross Geller (Friends)




Ross e Rachel; Rachel e Ross. Um dos casais mais longos e complicados das séries. Quem não se lembra da famosa frase: "WE WERE ON A BREAK!”. Depois de 10 temporadas neste lenga lenga, finalmente este casal ficou junto no último episódio da série. Porém muita coisa aconteceu durante estes 10 anos: Ross se divorciou da sua esposa lésbica e teve um filho com ela; casou novamente com a Inglesa Emily e se divorciou pela 2ª vez, pois disse o nome errado na hora do sim (que por acaso foi Rachel); e se casou bêbado em Las Vegas com Rachel, mas depois pediu o divórcio pela 3ª vez. No final, ele engravidou a Rachel e tiveram a fofa Emma. E só de pensar que este cientista fanático por dinossauro conseguiu ter duas gracinhas de filhos (Ben e Emma) já dá para imaginar que tipo de pai é ele: um dos pais mais hilários da TV. Como não se esquecer da fantasia do Tutu Natalino que Ross fez para agradar seu filho Ben e contar a história dos Judeus no Natal; ou da musiquinha imprópria que sua filha Emma caia na gargalhada. São estes momentos que fazem jus a posição de número 7 ser eternamente dele. 

06. Burt Hummel (Glee)




Glee pode ser uma série cheia de clichê, com péssimo conteúdo no roteiro. Mas uma coisa que ela com certeza arrasa é quando trata de assuntos polêmicos. Para mim a relação entre Burt e Kurt é a melhor no seriado. Burt é um pai viúvo que acaba descobrindo que seu único filho é homossexual. O que poderia ser um choque é muito bem tratado no seriado e este pai, por mais que tente aceitar isso, sempre apoia seu filho. Ele o respeita e enfrenta os outros que tem preconceito. Este gesto nobre só demonstra o verdadeiro significado de ser pai: estar ao lado do seu filho, não importa o que aconteça. E de quebra, ele conseguiu ser um padrasto muito amigo de Finn. Lógico que a 6ª colocação só poderia ser dele. 

05. Walter Bishop (Fringe)




Confesso que não assisto Fringe há algum tempo. Mas desde a primeira temporada Walter foi o personagem que eu mais gostei. A relação dele com seu filho, Peter, pode não ser a melhor, mas com certeza é uma relação verdadeira, leal e digna de uma colocação. Afinal, não é todo dia que temos um pai cientista super inteligente, inventor de grandes teses e completamente maluco, não é? Assim, é deste gênio, quase um Ainstein o 5º lugar deste Top Especial do Dias dos Pais. 

04. Sandy Cohen (The O.C)




Quem nunca ouviu falar de The OC ou é porque vive em outro planeta ou é porque realmente é louco. Durante 4 temporadas vimos Seth e Ryan crescerem como amigos e como irmãos adotivos. Tudo isso porque um dia o advogado público, Sandy Cohen ficou com pena da situação de Ryan e decidiu trazer este quase deliquente para sua residencia, num bairro chique e importante de Orange Country. Sandy sempre foi um homem íntegro, correto e com certeza um excelente pai. Sempre esteve presente na vida de seu filho, Seth e ainda por cima conseguiu educar um garoto problemático como Ryan. Então nada mais justo do que deixarmos a ele a posição de número 4 deste ranking.


MEDALHA DE BRONZE
03. Jonathan Kent (Smallville)




Vocês sabiam que até o Super Homem precisa levar uns puxões de orelhas? Sim, ele não é perfeito. Talvez grande parte de seu heroísmo não veio dos seus super poderes, mais sim de seu pai adotivo. Já é difícil ficar com uma criança que cai do espaço em uma chuva de meteoritos, imagina quando essa criança vai crescendo e desenvolvendo super-força e velocidade, entre outros poderes. Acreditem, quebrar os móveis da casa era a menor das preocupações desse pai, que simplesmente fez de tudo pra que seu filho se tornasse um ótimo “ser humano” (já que ele era de outro planeta, chamado Kripton), usando seus poderes somente para fazer o bem. Quantas vezes Clark questionou a sua vida, os seus valores e propósitos, e Jonathan sempre estava presente para lhe apoiar, controlá-lo quando era preciso, mas principalmente orientar, pois tudo que ele queria, acima de tudo, era ver Clark se tornar um homem altruísta. Enfim, Kal-El teve muita sorte de ser encontrado por um pai como Jonathan (imagina se quem tivesse encontrado ele fosse o Lionel Luthor? Num é bom nem imaginar! Hehe.). Esse sim merece o 3º Lugar, pois foi um dos pais mais marcantes das séries, que rendeu emoções fortes também ao longo de sua participação em Smallville. Assim, damos a ele a Super Medalha de Bronze. 

MEDALHA DE PRATA
02. Nathan Scott (One Tree Hill)






Nathan Scott apareceu pela primeira vez em One Tree Hill como Bad Boy, como um garoto malvado e seu relacionamento com Haley James fez com que ele crescesse e se tornasse o homem que ele é hoje: um ótimo marido e um excelente pai. E só de imaginar que acompanhamos sua evolução só faz a gente amar este personagem. É impossível não se emocionar com a descoberta da 1ª gravidez da Haley, quando ela ainda era adolescente. Nathan mostrou que ser um Scott não quer dizer que possa ser um péssimo pai. Ele foi pai adolescente, desistiu de seus sonhos em prol da família (se bem que na verdade ele percebeu que seu sonho já tinha sido realizado: construir esta linda família). Se nós nos apaixonamos com ele e Jamie, imagina agora com a chegada do novo membro da família Scott: Lydia? Sim, Nathan provou que ser pai aos 16 anos não é uma tarefa difícil, mas também não é impossível. Assim, ele recebe a merecida Medalha de Prata e fica com a 2ª posição. Parabéns Nathan Scott por ser um pai melhor que Dan.

MEDALHA DE OURO
01. Homer Simpson (The Simpsons)




Acho que, pra uma série que já está há mais de 20 temporadas, os personagens dela devem ser muito importantes! Sem contar que Homer representa muito bem o que é ser pai: ficar horas assistindo TV no sofá; comer muito; "roubar" a comida dos filhos; trocar a apresentação dos filhos pelo futebol; etc.   É por isso que nosso querido Homer Simpson está nessa 1ª posição, já que ele é a base da família (e dos risos da série também). É um trabalho muito árduo, pois já sabemos o quanto ele se “dedica” ao cuidar de sua família, pois, com todas as suas peculiaridades, ele segura o Bart nas encrencas, se orgulha da Lisa nos seus projetos “duvidosos”, além de amar a Marge incondicionalmente. No geral, ele pode ter seus milhares e hilariantes defeitos, mas vamos concordar que ele é um baita de um paizão! Toda vez que vejo Homer Simpson na TV, lembro do meu pai, por quê será? Desta maneira damos a ele a Medalha de Ouro e agradecemos por seus ensinamentos! 

Gostaram do nosso Top 10 Melhores Pais das Séries? Não esqueçam de comentar! E feliz Dia dos Pais!!!

Um comentário:

  1. acho que faltou a lorelai gilmore, de gilmore girls

    ResponderExcluir