Tree Hill Séries

Tree Hill Séries

Páginas

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

[Review] One Tree Hill 9x05 - The Killing Moon


"O que me atormenta é como que cometi erros, como eu fico acordado de noite, sendo compania para o arrependimento, ao sentimento da falha. Eu não tenho sido o homem que pretendia ser. Isso me atormenta. (...) Deixe-me perguntar uma coisa: É possível ser perdoado por ações pecaminosas que ainda serão cometidas? (...) É bem simples. Há três meses atrás tentaram me matar. Me drogaram e me deixaram para morrer. Eu finjo não me lembrar. Mas, de fato, toda noite desde aquela, eu tenho tentado juntar os pedaços. E quando eu finalmente descobrir quem fez isso comigo, e eu vou descobrir logo, os pecados que cometerei poderia deixar este lugar em escombros." 
(Dan Scott - 3x01)


Quando esta última temporada de One Tree Hill começou todos esperávamos que fosse a melhor de todas já apresentadas. Com um início abaixo de nossas expectativas, finalmente a série vem achando seu lugar e entrando para  a lista dos seriados mais memoráveis. Tudo isso porque One Tree Hill, depois de 9 anos, ainda consegue nos surpreender e traçar novos rumos, daqueles que não paramos de pensar e tentar desvendar o que realmente aconteceu. Uma jogada de mestre que só Mark Schwahn consegue fazer.

A grande questão de sabermos quem era aquele corpo que Haley viu no necrotério está cada vez mais perto de descobrirmos. E eu ainda acredito que iremos ficar em choque e surpresos quando descobrirmos toda a verdade. Ao contrário de muitos fãs, não acho que Dan Scott planejou o sequestro de próprio filho e vou explicar o porque e a minha teoria. Primeiramente devemos levar em consideração que isso esta muito na cara. Sério mesmo. Tudo bem que Dan ainda continua misterioso e que finalmente descobrimos que foi tudo uma armação dele. A antiga lanchonete não pegou fogo sozinha e foi justamente o Dan Scott quem incendiou o lugar. Nem preciso dizer que tanto o Paul quanto a Joy arrasaram na cena, cena esta que também entrou para a história de One Tree Hill.


Segundo, é Dan Scott. O maior vilão da série. Há coisa mais clichê do que o próprio pai sequestrar seu filho para tomar o seu lugar na casa dele? Pois bem, se for o Dan o responsável será a coisa mais óbvia, e por mais que o cara seja um vilão, ele é pai e tenho certeza que não seria capaz de fazer uma coisa destas. Terceiro acredito que o Dan possa sim estar envolvido ao sumiço, mas indiretamente e não diretamente, como mandante. Bom, o fato é que a história é longa e ainda teremos muitas coisas pela frente.

O mesmo para o Clay. Bom a história já está começando a me irritar e, como o Jamie, preferiria se o Clay fosse um lobisoman do que este cara boring que tá sendo ultimamente. Quinn se eu fosse você procuraria o Edward logo, antes que o Clay dê um punta pé em você e te troque pela Sara Zumbi. Ok, viajei longe. Culpa de Crepúsculo (não gosto, mas minha irmã não para de assistir) e The Walking Dead. Mas voltando ao Clay (please, não durmam) ainda acredito que iremos nos surpreender com a história dele e do Logan (que se vocês perceberem é bem parecido com ele). 

Finalmente minha Diva Brooke deu um show e colocou lenha na fogueira com a aquela tosca e metida a gostosona da Tara. Amei ela quebrando tudo no café rival, mas confesso que queria ver a Brooke colocando aquela baranga na panela fervendo de molho. Pronto, falei e quem gosta daquela sonsa devia rever seus conceitos. Quem coloca uma placa de assassino como ela fez? Quem manda flores com baratas por diversão? Quem ofende e se intromete na vida dos outros? Tudo bem, muitas pessoas fazem isso, mas se eu encontrar alguém como a Tara na minha frente, coitada dela. Nestas horas sou pior que a Brooke Penelope Davis Baker. Esta Tara devia mais cuidar da sua vida e tentar não pegar sífilis do que atacar os outros. E tem mais, a Brooke poderia contratar um detetive e flagrar a ordinária na cama com o garoto propaganda de cuecas (Chase) e fazer um outdoor. Quem concorda?


Quanto ao Julian nem preciso dizer que só o tempo irá curá-lo. A dor que ele esta sentindo agora, a culpa e o arrependimento irão demorar para sair. E a saída dele não foi a melhor. Todos nós sabemos que não devemos brigar num bar com alguém bêbado e Julian sabe disso. Por isso a briga foi a solução dele para tentar se punir, se castigado. Infelizmente isso não irá tirar o remorso e a culpa que anda na vida dele por ter esquecido Davis no carro. Ele precisa relaxar e de todo apoio das pessoas que ama. A sua preocupação é normal, mas como a médica disse ele não é um pai mal, mas sim exemplar. Um erro não julga o caráter de ninguém. Se fosse assim, não seríamos o que somos hoje.

Chris Keller continua arrasando. Amei a cena dele com o policial. Este Chris é um homem mais maduro, embora continue sendo o Chris Keller de sempre, principalmente ao esquecer de Chuck. Acredito que o Chris Keller não quer mudar porque gosta da vida que ele tinha, mas todos mudam, seja por escolha ou porque a vida te faz mudar. E por incrível que parece, Chuck não foi insuportável neste episódio. A chegada do pai do menino promete abalar mais ainda o relacionamento entre ele e Chase. Sem contar que preferiria mais ver o Chase se viciando em bebidas do que na Tara, só porque as pessoas estão o "trocando" por novas oportunidades. Cresça Chase. 

Nota do Episódio: 10 - Perfeito.

4 comentários:

  1. Eu tive que parar por 10 min o episodio por causa da cena das baratas... (Segredo, eu chorei). Enfim... Amei a cena da Brooke quebrando o café dela, mais eu faria bem pior...
    Quanto ao Clay, juro que até gostava dele, mais ele está insuportável nessa temporada...
    E o que foi a Haley com o Dan?! Para!!! Amei!!!

    Olha eu não dou 10 por causa do Clay kkk
    Mais amei o episodio ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o Clay está nos irritando, mas vamos levar o crédito e aguardar o momento em que ele se transforma em Wolf (palavra mais chique, né gente? rs.)

      Excluir
  2. mt bem .. mas só consigo lembrar da BRooke perfeita mas ainda acho que ela tem que dar um soco na cara dela como nos velhos tempo s ou tipo viagem maior a peyton chegava e bati tipo surpresa .. que td BAfão

    HAley quer dizer minha prima JOy .. muitoo Foda com o perda da palavra ... GAby #parabens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabia q a Joy era sua prima! #queinveja rs..

      Excluir